• Makiyama Serviços

Regras para lixo em condomínios: como deve ser feita a coleta?


Entenda as regras para lixo em condomínios e como deve ser feita a coleta para que tudo fique organizado e seguro.


Infelizmente, é comum em condomínios haver situações onde o lixo é descartado incorretamente.

Por isso, a coleta de lixo é sempre um tema em debate pela gestão condominial.

Se você administra ou reside em um condomínio, com certeza já se deparou com alguma situação que não representa exatamente o correto a ser feito com o lixo.

Hoje, vamos te ajudar a organizar melhor a administração do descarte de lixo.


Regras para lixo em condomínios: um desafio constante

Cada pessoa produz, em média, de 800 gramas a 1 quilo de lixo por dia.

Diante disso, não fica difícil entender o tamanho do desafio que o gestor do condomínio tem em suas mãos.

Todos sabemos que o lugar do lixo é no lixo. Mas alguns moradores insistem em deixar seu lixo ao lado do coletor, ou nos corredores do prédio.

Isso gera atrito entre vizinhos, clima desagradável no condomínio e deixa uma aparência de sujeira.

Além disso, podem ser aplicadas multas aos moradores e também ao síndico, já que este responde civil e criminalmente pelo condomínio.

Quais são as principais regras para lixo em condomínios?

A principal regra é quanto à área de descarte de lixo que deve estar presente em todo condomínio.

Ela deve ser coberta, abrigada do sol e da chuva. Além disso, também deve estar bem sinalizada para evitar que algum morador alegue não saber onde estava.

Por fim, é essencial ter um programa de coleta seletiva, para separar o material orgânico do lixo reciclável.

O que pode e o que não pode?

Há quem reclame da distância entre seu apartamento e o local correto de descarte do lixo.

E nem sempre se trata de preguiça, mas sim de limitações de mobilidade.

Por isso, alguns condôminos acabam sugerindo para que o condomínio tenha lixeiras nas escadas, corredores ou outras áreas mais próximas.

Entretanto, isso não é permitido pelo Corpo de Bombeiros, que não libera o AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros) para condomínios que possuem lixeiras nestes lugares.

Isso porque a presença de uma lixeira nos corredores e escadas dificulta muito o combate a incêndios e o resgate de moradores.

Alguns síndicos chegam a tirar as lixeiras antes da vistoria e recolocá-las logo depois.

Entretanto, estes síndicos podem responder civil e criminalmente por isso em casos de incêndio.


Regras para os condôminos

Quanto às regras para lixo em condomínios direcionadas aos condôminos, cabe, em primeiro lugar, a observância ao correto local de descarte do lixo (depósito de lixo).

Depois, o tipo de embalagem utilizada para acondicionar o lixo e, por fim, a separação do lixo reciclável e do lixo orgânico.

Enquanto alguns condomínios aceitam as práticas sacolinhas de mercado, outros exigem que o lixo seja sempre colocado em sacos pretos.

Há também os que solicitam o descarte do lixo somente nos dias de coleta, aplicando multa ao morador que descumprir a ordem.

Cabe também aos condôminos orientar seus visitantes a não colocarem lixo doméstico nas áreas comuns, como piscinas e playgrounds.

As crianças também devem ser orientadas a não descartarem lixo nos elevadores, áreas comuns ou jogá-lo pelas janelas.

E quanto ao condomínio?

Os condomínios possuem síndicos, zeladores, administradoras, conselheiros e os próprios moradores.

Todos devem trabalhar juntos para a estruturação do descarte do lixo.

É importante desenvolver programas de coleta seletiva e criar projetos de conscientização para os moradores.

Além disso, também deve ser decidido em assembleia, junto aos moradores, quais serão as penalidades aplicadas a quem descumprir as regras para lixo em condomínios.

Essas penalidades podem variar de uma advertência até multa proporcional à taxa de condomínio.

Cabe ao síndico a instalação de lixeiras em locais protegidos e sinalizados, e a cobrança aos moradores sobre a correta utilização destes depósitos.

O correto descarte do lixo em condomínios é essencial para a manutenção de um ambiente agradável, saudável e seguro a todos.

Além disso, fazer o descarte corretamente também ajuda a preservar o meio ambiente e evitar o aumento da poluição em sua cidade.

Quer saber um pouco mais sobre limpeza e conservação? Dê uma olhada no blog da Makiyama clicando aqui!


6 visualizações
  • whatsapp branca fina